Escolha uma Página

Selo
ATREVA-SE

Um Selo Atreva-se de livros, escritos e organizados pelo Movimento Atreva-se

Editora CLARABOIA

Nomear para combater: Uma tentativa de organizar a raiva para virar pensamento

Sabe o que pessoas do teatro fazem quando uma peça não dá certo? Quando uma história não nos serve, nós encerramos o espetáculo, baixamos as cortinas, agradecemos à plateia e voltamos para a coxia para pensar em uma nova história que nos interessa contar.

Fazendo teatro, eu descobri que é possível escolher a história que queremos contar, afirma Nicole Aun, ativista feminista, que vive o teatro há 30 anos em sua vida.

Uma das – inúmeras – perguntas deste livro é a seguinte: a quem serve a vida tal qual vivemos hoje? A quem serve uma engrenagem em que 2.153 bilionáries do mundo concentram cerca de 60% da riqueza global, enquanto milhões e milhões passam fome todos os dias? Para a maioria de nós, essa engrenagem – o capitalismo patriarcal – oprime, violenta e nos tira a potência da vida.

Mas, e se baixássemos as cortinas e contássemos outra história? Para a história ser outra, precisaríamos mudar a autoria. E se quem foi silenciade contasse a sua história: mulheres, pessoas trans, travestis, pretas, pobres, com deficiência, gordas, periféricas, imigrantes, refugiadas?.

Basta o e se para o corpo tremer, as subjetividades gritarem de alegria, e a imaginação voar por aí, construindo novos presente-futuros mais dignos para todes.

 

Quem vem?

Ilustração por: Tainah Negreiros

ONDE ACHAR

Compre o Seu agora

Livro Fisico

Para quem não vive sem o cheirinho do livro e a satisfação de colocar na prateleira.

Livro Digital

Para quem prefere economizar espaço e levar pra onde quiser o digital é perfeito.

Sobre a Autora

Nicome Aun

Nicole Aun, um pouco intelectual, um pouco diretora de teatro, feminista e mãe da Lina. Com os feminismos, aprendeu que o privilégio de um é a supressão do direito de outro um.